Sistema de Conferências da SBPJor, 7º Encontro do JPJor

Tamanho da fonte: 
As narrativas econômicas da Folha nos governos Dilma e Temer
William de Araújo Correia, Noêmia Félix da Silva

Última alteração: 2017-09-09

Resumo


O presente artigo reconfigura as distintas tessituras costuradas pela Folha de S. Paulo sobre a situação política e econômica do Brasil nos governos Dilma e Temer em 2016. Valendo-se do arranjo teórico-metodológico da Análise de Conteúdo e da Análise Crítica da Narrativa buscamos desvelar os sentidos do fragmentado noticiário econômico e definir os aspectos da cobertura que implicam na abstração de personagens, desenlaces, pontos de inflexão, panos de fundo e demais elementos que caracterizam uma história. Os resultados apontam que a Folha incorporou valores dominantes das elites na cobertura empreendida de determinados eventos econômicos analisados, o que resultou na condução de uma narrativa responsável por desqualificar o governo Dilma e reforçar as expectativas de que o governo Temer pudesse prover as reformas e mudanças solicitadas por determinados setores do país.


Palavras-chave


jornalismo econômico; impeachment; Folha de S. Paulo; Michel Temer; Dilma Rousseff.

Texto completo: PDF