Sistema de Conferências da SBPJor, 7º Encontro do JPJor

Tamanho da fonte: 
Risco, impacto e drama: os sentidos alarmistas no enquadramento discursivo sobre mudança do clima na Folha de São Paulo
Mathias Lengert, Rosiane Zanovello, Cláudia Herte de Moraes

Última alteração: 2017-09-09

Resumo


O artigo apresenta uma análise dos sentidos produzidos por reportagens sobre mudanças climáticas do jornal Folha de São Paulo. O corpus parte de um levantamento de angulações discursivas, previamente realizado, que indicou uma maioria de reportagens no ano de 2016 sobre a temática em tom alarmista. Com o intuito de investigar as marcas que revelam os sentidos desse ângulo e descobrir como elas se relacionam ao enquadramento discursivo das reportagens (Moraes, 2015), foram utilizados procedimentos metodológicos referentes à análise do discurso (Pêcheux, 1983; Orlandi, 2009; Benetti, 2008). Os resultados sugerem o uso dos sentidos alarmistas como forma de buscar responsáveis, alertar e sensibilizar o leitor, de acordo com as motivações de cada sentido.



Palavras-chave


Jornalismo ambiental; enquadramento discursivo; mudanças climáticas; reportagem; Folha de São Paulo

Texto completo: PDF